Bolsa de Valores

Série Primeiros Passos 4: investir em ações é realmente para o longo prazo?

Postado por Alessandro Martins em - Tudo sobre Bolsa de Valores

A Série Primeiros Passos foi escrita com exclusividade por Leandro Martins, autor do livro Aprenda a Investir – Saiba Onde e Como Aplicar seu Dinheiro (compre o livro) e responsável pelo site Seu Consultor Financeiro. Na série, Leandro Martins aborda diversos assuntos sobre os quais eu já falei no Iniciante na Bolsa, mas considero importante que um profissional de maior experiência aborde os temas, reforçando e dando ainda mais autoridade ao conteúdo ensinado, sem falar que uma abordagem diferente pode dar um novo ângulo a velhos assuntos.

Leia também

Investir em ações é realmente para o longo prazo?

Muitos analistas recomendam, ao investidor, se posicionar em ações em muitos anos, pois no longo prazo obterá lucro. Essa recomendação é no mínimo perigosa, visto que o passado nos mostra que se o investidor entrar em um momento errado, tal lucro poderá demorar mais de 5 anos ou até não ocorrer em muitos exemplos de ações.

A análise gráfica nos mostra, através do Ibovespa (carteira teórica com as ações mais negociadas na Bovespa) que as ações se movimentam em um canal de alta, que por sua vez rebatem entre a linha de tendência de alta (LTA) e sua paralela. Com isso, se o preço está na paralela do canal, ele tenderá a buscar a LTA, e logo sofrerá fortes desvalorizações.

Além das linhas de tendências, são disponibilizadas outras ferramentas, como a média móvel simples de 200 períodos (linha azul do gráfico), esta que serve de suporte ou resistência, em tendências de alta e baixa respectivamente.

Contudo podemos operar comprado ou vendido (ou pelo menos fora do mercado), conforme o momento do Ibovespa indicado pela análise gráfica.

Artigos Relacionados

Gostou? Comente, compartilhe e participe.