Bolsa de Valores

Blogs sobre investimentos, educação financeira, ações e bolsa de valores

Postado por Alessandro Martins em - Tudo sobre Bolsa de Valores

No começo eu achei que seria difícil encontrar outros blogs que tratassem com maior preocupação dos mesmos temas que pretendo abordar. Fiquei surpreso e mordi a língua pois em menos de duas semanas de inaugurado o novo site, já tenho em meu agregador de feeds diversos blogs que convido meus leitores a acompanharem também.

  1. Como comprar meias
  2. Dinheirama
  3. Mercado Financeiro
  4. Trading Quantitativo
  5. Seagull Trading
  6. Dr Fox Investor Blog
  7. Forex/RDO/1/2/3/50 Pips
  8. AC Investor Blog
  9. Mensalinho
  10. Stock Buster
  11. Bull Trading X
  12. I Invested in my Way
  13. CHR Investor
  14. Finanças S.A.

Alguns são atualizados com mais frequência que outros, um certo número é estrangeiro – mas sempre há informação interessante que pode ser filtrada – e uns se mantém mais no foco das finanças que outros.

Vários se prendem à análise e outros preferem ser mais narrativos, mas creio que todos podem vir a acrescentar nos próximos meses e anos durante os quais devo acompanhá-los.

Deixo também ao leitor a possibilidade da leitura também desses outros blogs. Se esqueci de alguém, por favor, me avise.

Gostou? Comente, compartilhe e participe!

O que é a Análise Técnica do mercado de ações

Postado por Alessandro Martins em - Análise técnica da bolsa de valores Dicas da bolsa de valores

Grosso modo, a análise técnica do mercado de ações é o entendimento e a previsão dos movimentos da bolsa de valores pela interpretação e observação dos gráficos, além de outros estudos.

Quando uma notícia que causa um movimento no preço de uma ação chega aos jornais, na verdade, seu efeito já foi parar no gráfico gerado pelo movimento dos preços há algum tempo. Um tempo maior ou menor, mas sempre inferior àquele tempo que levou até que a notícia chegasse até você.

E através do estudo desse efeito gráfico é que o praticante da Análise Técnica é capaz de saber o momento de comprar ou de vender uma ação.

A Análise Técnica parte de três princípios:

  • A ação do mercado reflete todos os fatores envolvidos neste;
  • os preços se movimentam em tendências;
  • o futuro repete o passado.

Para o analista técnico, o mercado é o único local onde de fato se somam os fatores de demanda e oferta, unidos à psicologia da multidão de investidores. E por isso basta estudá-lo para obter os resultados desejados.

Por outro lado, fora do mercado seria impossível cobrir todas as possíveis influências da formação de preço de uma ação, tais como clima, greves, desastres, bom ou mau gerenciamento, corrupção, lucros e prejuízos de uma empresa, novas leis, decisões políticas, guerras e tantos outros.

Todas essas infinitas causas geram um efeito e esse efeito vai parar no gráfico. É por isso que o analista técnico se dedica aos gráficos.

Aprenda mais sobre a bolsa de valores

Gostou? Comente, compartilhe e participe!

Qual é minha corretora e quem é meu corretor

Postado por Alessandro Martins em - Dicas da bolsa de valores Tudo sobre Bolsa de Valores

Minha corretora é a Planner, em Curitiba, e o meu corretor é o André Pinheiro. Sobre as corretoras esnobes – que não aceitam os pequenos investidores – ele costuma dizer que “quando você tiver dinheiro você não vai querer voltar lá”.

Há algum tempo tenho falado de corretoras e corretores e do quanto a escolha deles é importante para seus primeiros passos na bolsa de valores.

Acho justo, portanto, divulgar e recomendar seus nomes, visto que em nenhum momento me senti diminuído por ter começado com um valor relativamente pequeno. Recebi toda a atenção e orientação iniciais, nunca deixei de ser atentido ao telefone e, por essas e outras razões, me sinto seguro para ir em frente.

Gostou? Comente, compartilhe e participe!

5 razões para começar seus investimentos na bolsa de valores com ações seguras a longo prazo

Postado por Alessandro Martins em - Dicas da bolsa de valores

E, como eu havia dito, eu e meu corretor ficamos de decidir sobre em que ações aplicar agora. Decidimos novamente por Vale do Rio Doce e Petrobras.

Minha pequena experiência na bolsa, ainda numa postura um tanto de observador, me diz que 9 entre 10 investidores iniciantes começam com as ações da mineradora Vale do Rio Doce (VALE5) e as da Petrobrás (PETR4).

Preciso lembrar que este é o cenário do momento. Consulte seu corretor antes de comprar ações que correspondam a seu perfil de iniciante, pois pode ser que, no futuro, outras ações sejam mais indicadas.

Na minha opinião, existem alguns bons motivos para a escolha de ações seguras a longo prazo para os novatos:

  1. Segurança: essa é óbvia, mas não custa nada falar sobre ela. Eventualmente os preços dessas ações podem cair, mas se o seu objetivo é o longo prazo, neste momento econômico, praticamente não tem erro: Vale e Petro.
  2. Facilidade: você ainda não entende nada de bolsas de valores. Não invente moda. É o mesmo que entrar na piscina sem saber nadar. Enquanto estuda análise técnica ou análise fundamentalista, poderá acompanhar diariamente o gráfico de suas novas aquisições e de outras ações que poderá adquirir futuramente. No momento, molhe apenas os calcanhares.
  3. Tempo: como essas ações podem ser encaradas no longo prazo, você terá tempo para realizar o seu aprendizado antes de se dedicar a ações que permitam movimentos em períodos mais curto e que exijam um conhecimento maior. No futuro, você vai poder depender cada vez menos da opinião de seu corretor para a tomada de decisões.
  4. Educação emocional: principalmente no início do seu investimento, pode ser que em algum momento suas ações valham menos do que quando você as comprou. Acostume-se com isso. Na bolsa é normal. Isso vai evitar que, no futuro, você venda na baixa desnecessariamente por estar assustado.
  5. Crescimento: algumas movimentações pedem que você tenha um volume maior de dinheiro investido para valerem a pena. Colocar seus esforços iniciais em Vale e Petro é a garantia de que quando você estiver pronto terá esses valores.
Gostou? Comente, compartilhe e participe!

Nos primeiros movimentos na bolsa de valores, assuma uma cautelosa posição de observador

Postado por Alessandro Martins em - Dicas da bolsa de valores Tudo sobre Bolsa de Valores

Depositei mais R$ 550 nas contas que eu e minha namorada mantemos na corretora. Telefonei para lá.

– O André, por favor…

André é meu corretor.

– André, depositei mais R$ 550 hoje.

– Legal, Alessandro. Ainda não deve ter aparecido aqui em meu sistema, mas mesmo assim já posso comprar se você quiser…

– Então, André. Estive pensando. Talvez agora no começo seja melhor eu continuar a comprar mais ações seguras a longo prazo, como Vale, Petrobrás ou outra que você indique.

No começo, meu plano e de Júlia era termos uma conta para operar a longo prazo e outra, um pouco mais agressiva, para médio. Depois de observar o movimento dos negócios durante algumas semanas, decidimos que é melhor investirmos mais alguns recursos no longo prazo antes de partir para a segunda opção.

Enquanto isso, vamos estudando mais e acompanhando principalmente os gráficos em sites como o ADVFN. Nele, acompanhamos os nossos papéis e outros que pretendemos comprar no futuro.

– Alessandro, hoje a bolsa está meio turbulenta. Vamos decidir o que comprar amanhã então, está bem?

Hoje vou ligar pra ele. Depois conto quais papéis decidimos comprar.

Gostou? Comente, compartilhe e participe!

Como escolher uma corretora para investir na bolsa de valores

Postado por Alessandro Martins em - Dicas da bolsa de valores Tudo sobre Bolsa de Valores

Escolher a melhor corretora de investimento na Bolsa de Valores é a primeira decisão que você vai tomar depois de resolver entrar na bolsa de valores. É ela quem vai fazer o meio de campo entre você e a Bovespa. Você transmite a ordem de compra e venda e a empresa – mais especificamente seu corretor – executa. Por isso, essa escolha pode influenciar toda a sua experiência a seguir, a curto e a médio prazo.

Ela é membro da Bovespa?

Procure uma corretora entre as diversas que são membro da Bovespa. Se alguma empresa o procurar, verifique antes se ela faz parte da lista.

Qual o valor mínimo para se cadastrar?

Nem todas corretoras operam com valores baixos e certamente todas operam com valores altos. Mas, também certamente, com um pouco de pesquisa, você encontrará uma de qualidade perfeita para seu perfil.

Quais são os custos?

Cada corretora tem uma política de custos diferente. Procure uma que se adeque ao seu perfil. A que eu escolhi cobra 2% sobre a movimentação de venda de valores até R$ 498,62 e essa taxa cai até o limite de 0,5% na medida em que os valores se aproximam de R$ 3029.

Essas porcentagens são importantes, afinal se – no meu caso- eu tiver um lucro abaixo de 2% em algum momento, isso não é suficiente para que valha a pena eu vender as ações que os proporcionaram.

Um exemplo fictício:

Em determinado momento, algumas ações minhas no valor de R$ 100 subiram 2%. Agora eu tenho R$ 102. Se eu vendê-las, a corretora ficará com R$ 2,04.

Ei! Esse era o meu lucro!

Entendeu?

Fique atento, pois algumas corretoras abrem mão da porcentagem e mantém um valor fixo muito baixo que pode parecer vantajoso em um primeiro momento, mas cobram uma taxa mensal fixa, uma taxa de custódia das ações ou uma taxa de conta inativa – que para quem pretende investir a longo prazo é pouco vantajosa. O barato pode sair caro.

Qual a burocracia do cadastro em uma corretora?

É muito mais fácil e rápido que abrir uma conta em um banco (Porém, é claro que você já vai ter que ter uma conta em banco). Na verdade, é tão fácil que você vai se perguntar porque não fez isso antes e continua com juros de menos de 12% ao ano na Caderneta de Poupança e tendo que enfrentar fila.

Para executar esse passo eu precisei de:

  • Documento de identidade
  • CPF
  • Comprovante de endereço
  • Uma conta corrente.
  • Preenchimento de um cadastro.
  • Assinatura de contrato.

Você foi bem tratado?

Essa é óbvia até se você pretende comprar um liqüidificador. Se a loja não o trata bem você não volta mais. Se o corretor – a pessoa que estará em contato com você – não o tratar bem, esqueça.

Eu e minha namorada marcamos uma hora na corretora e tivemos uma reunião de aproximadamente 45 minutos com nosso corretor que pretendia esclarecer alguns pontos sobre a bolsa e nos conhecer melhor para saber quais os investimentos mais indicados para nosso perfil. Atendimento altamente personalizado, principalmente considerando que o montante inicial de nosso investimento não é alto.

Todas as vezes em que ligamos para ele, para tirar dúvidas ou para dar ordens de compra, foi muito atencioso e paciente apesar de nossa inexperiência.

Dias depois de preencher o cadastro, recebemos os contratos para assinar em casa acompanhado de um envelope selado para devolvê-lo, evitando assim um deslocamento desnecessário.

Conheça o básico sobre a bolsa de valores

Gostou? Comente, compartilhe e participe!

Mais artigos

Page 82 of 83« First...102030...7980818283