Bolsa de Valores

MACD – Convergência e Divergência de Médias Móveis

Postado por Alessandro Martins em - Análise técnica da bolsa de valores Tudo sobre Bolsa de Valores

MACD ou Moving Average Convergence / Divergence (Convergência e Divergência de Médias Móveis) é um indicador criado por Gerald Appel na década de 60.

Ele ainda é bastante usado na análise técnica.

Ele evidencia a relação entre um sinal rápido e um sinal lento.

Eles são gerados a partir do movimento das médias móveis exponenciais no gráfico.

Atualmente ele não tem sido tão usado quanto antigamente. Tem sido criticado por não refletir alguns momentos mais voláteis da bolsa de valores.

Como funciona o MACD

No gráfico, ele aparece como duas linhas de cores diferentes, uma chamada MACD de fato. A outra é chamada de  Sinal. Elas flutuam acima e abaixo de uma linha reta, que tem o valor igual a zero.  A indicação do ponto de compra aconteceria quando a linha MACD se cruza com a linha Sinal de baixo para cima, dentro da área negativa do gráfico (isto é, abaixo do zero), na direção oposta a de sua trajetória anterior.

O ponto de venda é quando a linha “MACD” se cruza com a linha Sinal de cima para baixo, dentro da área positiva do gráfico, na direção oposta a de sua trajetória anterior.

Como foi dito, como este não é um indicador de absoluta confiança, o mais correto é observar outros sinais de análise técnica. Coisas mais pé no chão como linhas de tendência, topos e fundos.

Veja o exemplo abaixo e tende identificar os pontos de compra e venda:

Artigos Relacionados

Gostou? Comente, compartilhe e participe.