Bolsa de Valores

Investir com o mercado em baixa

Postado por Alessandro Martins em - Vídeos sobre bolsa de valores

Neste vídeo você aprenderá os três cenários possíveis da bolsa de valores: tendência de alta, tendência de baixa e sem tendência. Você verá que até na tendência de baixa é possível ter bons lucros.

Mas que num mercado sem tendência os riscos são maiores.

O que é consolidação?

Quando falamos de bolsa de valores sempre estamos querendo saber se ela está subindo ou caindo.

Porém, há diversos momentos em que a bolsa de valores não está nem subindo nem caindo.

Nestes momentos, a bolsa de valores está consolidando. Ou seja: está sem direção, sem uma tendência definida. Andando de lado. Nem subindo nem descendo.

Isso é bom ou ruim?

Não é o melhor cenário.

Para quem faz operações que visam o curto e o médio prazo é muito mais interessante que exista uma tendência definida, seja caindo ou subindo, não importa a direção.

Quando o mercado está subindo, ótimo. É o melhor cenário (entre aspas), pois é quando o investidor compra os ativos aguardando a valorização alvo.

Agora, para o mercado em clara queda, quando não vale a pena comprar os ativos, o melhor é fazer uma operação de venda.

Normalmente, o investidor aluga ações, vende e quando o preço da ação atinge o patamar desejado, mais abaixo, elas são recompradas e devolvidas a quem cedeu o empréstimo.

Parece complexo, mas é muito simples, sem burocracia ou grandes riscos (desde que é claro, você tenha uma estratégia de gerenciamento de riscos).

Já o mercado sem direção há uma certa dificuldade. Pois o mercado não tem direção. Achamos que vai subir e ele volta cair. Achamos que vai cair mais e ele volta a subir.

Tendência de alta, o zig zag é ascendente. Tendência de baixa, zig zab para baixo.

Na consolidação, o zig zag anda de lado.

Portanto: tendência de alta, tendência de baixa são bons para investir. Sem tendência: melhor não investir.

Artigos Relacionados

Gostou? Comente, compartilhe e participe.