Bolsa de Valores

14 advertências se você quer investir na bolsa de valores

Postado por Alessandro Martins em - Insights sobre a bolsa de valores

De verdade, a Bolsa de Valores não funciona como uma receita de bolo.

Tudo o que podemos fazer é dar um passo a passo de comportamentos a serem evitados pelos iniciantes. E à medida que forem adquirindo experiência conseguirão distinguir entre o que é de fato arriscado para si e o que não é.

Você verá que esta lista passo a passo é muito importante para que, no futuro, você não cometa bobagens. São dicas simples mesmo, como procurar os melhores livros sobre bolsa de valores.

Esta lista é importante porque normalmente é nos momentos do final de uma alta que os iniciantes acabem chegando. Depois de tanto tempo com a Bovespa em alta (o que talvez neste momento não seja verdade, depende de quando você está acessando este post), é natural que os iniciantes comecem a ser atraídos. E com muita sede ao pote, sem saber muito bem o que estão fazendo.

Depois de um tempo que os novatos começam a chegar é justamente quando os preços voltam a cair.

Independentemente de isso ser verdade ou não, este artigo tem o objetivo de esfriar um pouco os ânimos e colocar um pouco de prudência nas atitudes dos novatos.

Eu não investiria na bolsa de valores se…

Eu não recomendo a um iniciante investir em ações…

  1. que não fossem integrantes do Índice Bovespa. A ideia é evitar os micos e garantir liquidez: sempre ter alguém para comprar e vende o ativo
  2. que não estivessem em clara e absoluta tendência de alta
  3. … se ainda não conseguisse identificar uma tendência primária, secundária e terciária
  4. … se não soubesse identificar topos, fundos, suportes e resistências
  5. … sem saber como dar ordens de stop e, sabendo, não compraria ações sem imediatamente dar ordens de stop
  6. … se não tivesse conversado franca e pessoalmente com pelo menos duas pessoas que já têm uma boa experiência nos mercados.
  7. … se já não tivesse lido pelo menos um bom livro sobre a bolsa se valores.
  8. … se não lesse diariamente sobre a bolsa de valores em portais de notícias e em blogs especializados em finanças e bolsa de valores.
  9. … se não tivesse a disciplina para acompanhar diariamente, ou ao menos semanalmente, as cotações daquelas em que eu estiver comprado.
  10. … com todas as minhas economias.
  11. … se não tivesse total responsabilidade sobre meus atos.
  12. … com dinheiro emocionalmente comprometido.
  13. … se não pudesse encarar possíveis e muito prováveis perdas
  14. E mais importante: eu não investiria em ações se não tivesse entendido o motivo de absolutamente todos os itens desta lista.

E, claro, como esse artigo é destinado aos novatos como eu, eu não investiria em opções.

Como investir na bolsa de valores passo a passo foto

Conheça o básico sobre a bolsa de valores

Artigos Relacionados

Gostou? Comente, compartilhe e participe.